Esportes

Big das Bigs: veja cinco motivos que fazem a Série B de 2021 ser a mais esperada da história

Competição começa nesta sexta-feira com quatro jogos e recorde de campeões nacionais entre os participantes

Big das Bigs: veja cinco motivos que fazem a Série B de 2021 ser a mais esperada da história

Alguns entram como turma do camarote, outros começam na pipoca. A constante divisão entre VIP e xepa faz parte da disputa. A liderança está em jogo semanalmente. E todo mundo vai querer fugir do temido paredão. No fim, o que importa é estar no pódio.

Assim como o BBB 21 teve a maior duração de todos os tempos, a Série B deste ano também começa nesta sexta-feira com uma dimensão inédita, com recorde de campeões brasileiros. É a Big das Bigs.

Listamos abaixo cinco motivos que fazem a busca pelo acesso à elite nacional ser a mais eletrizante de todos os tempos.

Recorde de campeões brasileiros

Nunca antes na história desse país uma Série B teve tantos campeões brasileiros reunidos. São cinco, com 12 títulos ao todo:

  • Vasco: 1974, 1989, 1997 e 2000
  • Cruzeiro: 1966, 2003, 2013 e 2014
  • Botafogo: 1968 e 1995
  • Guarani: 1978
  • Coritiba: 1985

Rivalidades de peso

Não vai faltar emoção com tradicionais clássicos regionais, como Vasco x Botafogo, Guarani x Ponte Preta, Goiás x Vila Nova e CRB x CSA.

O dérbi campineiro, por exemplo, vai completar a marca de 200 duelos já na quinta rodada. Vai ser o primeiro clássico da atual edição.

Clássico entre Guarani e Ponte vai chegar ao duelo 200 na Série B  — Foto: Thomaz Marostegan/Guarani FC

Clássico entre Guarani e Ponte vai chegar ao duelo 200 na Série B — Foto: Thomaz Marostegan/Guarani FC

Jogadores conhecidos

Nomes experientes, rodados, com passagem pela Seleção... A Série B de 2021 começa com rostos conhecidos no cenário nacional. Veja alguns deles.

Avaí: zagueiro Betão; lateral Edilson; meia Valdívia

Botafogo: goleiro Diego Cavalieri; zagueiro Kanu

Diego Cavalieri, do Botafogo — Foto: Vitor Silva/Botafogo

Diego Cavalieri, do Botafogo — Foto: Vitor Silva/Botafogo

Brasil de Pelotas: volante Denilson

Brusque: volante Tinga

CRB: zagueiro Gum

CSA: meia Gabriel

Confiança: atacante Neto Berola

Coritiba: goleiro Muralha; meia Robinho; atacantes Léo Gamalho e Ricardo Oliveira

Ricardo Oliveira está no Coritiba — Foto: Divulgação/Coritiba

Ricardo Oliveira está no Coritiba — Foto: Divulgação/Coritiba

Cruzeiro: atacantes Marcelo Moreno e Rafael Sobis

Goiás: lateral Apodi

Guarani: meia Régis

Londrina: atacante Celsinho

Náutico: atacante Kieza

Operário-PR: atacante Rodrigo Pimpão

Ponte Preta: meia Camilo

Camilo é o camisa 10 da Ponte  — Foto: Álvaro Jr./PontePress

Camilo é o camisa 10 da Ponte — Foto: Álvaro Jr./PontePress

Remo: meia Felipe Gedoz

Sampaio Corrêa: atacante Ciel

Vasco: goleiro Vanderlei; zagueiro Leandro Castan; lateral Zeca; meia Marquinhos Gabriel; atacante Cano

Castán é um dos líderes do elenco do Vasco  — Foto: Rafael Ribeiro/Vasco

Castán é um dos líderes do elenco do Vasco — Foto: Rafael Ribeiro/Vasco

Vila Nova: lateral-esquerdo Thiago Carleto

Vitória: zagueiro Wallace

Oi, sumidos!

A Série B tem retornos importantes para 2021. E não apenas de quem caiu da Série A, como Vasco, Botafogo, Coritiba e Goiás.

Times tradicionais como Remo e Vila Nova voltam a disputar a competição Os paraenses passaram 13 anos em divisões inferiores até o acesso na temporada passada.

Remo comemora acesso à Série B depois de 13 anos  — Foto: Samara Miranda

Remo comemora acesso à Série B depois de 13 anos — Foto: Samara Miranda

Representatividade

A Série B vai mexer com todo o Brasil. Literalmente. De Norte a Sul, as cinco regiões do país estarão representadas, com 13 estados envolvidos:

Norte

  • Pará: Remo

Nordeste

  • Maranhão: Sampaio Corrêa
  • Pernambuco: Náutico
  • Bahia: Vitória
  • Alagoas: CSA e CRB
  • Sergipe: Confiança

Centro-Oeste

  • Goiás: Goiás e Vila Nova

Sudeste

  • Rio de Janeiro: Botafogo e Vasco
  • São Paulo: Guarani e Ponte Preta
  • Minas Gerais: Cruzeiro

Sul

  • Paraná: Coritiba, Londrina e Operário
  • Santa Catarina: Avaí e Brusque
  • Rio Grande do Sul: Brasil-RS

Veja abaixo os jogos da primeira rodada:

Sexta-feira, 27 de maio

  • 16h - Brasil-RS x Londrina
  • 19h - Guarani x Vitória
  • 21h30 - Náutico x CSA
  • 21h30 - Vila Nova x Botafogo

Sábado, 28 de maio

  • 11h - Vasco x Operário
  • 16h - CRB x Remo
  • 16h30 - Confiança x Cruzeiro
  • 18h15 - Coritiba x Avaí

Domingo, 30 de maio

  • 11h - Brusque x Ponte Preta

Segunda-feira, 31 de junho

  • 20h - Sampaio Corrêa x Goiás

Fonte: G1.com 

 

Cotações

Dólar Americano/Real Brasileiro

R$ 5,65

Dólar Americano/Real Brasileiro Turismo

R$ 5,99

Dólar Canadense/Real Brasileiro

R$ 4,40

Libra Esterlina/Real Brasileiro

R$ 7,49

Peso Argentino/Real Brasileiro

R$ 0,06

Bitcoin/Real Brasileiro

R$ 304,15

Litecoin/Real Brasileiro

R$ 1.057,33

Euro/Real Brasileiro

R$ 6,40

Clima

Sexta
Máxima 31º - Mínima 15º
Céu limpo

Sábado
Máxima 32º - Mínima 17º
Períodos nublados

Domingo
Máxima 32º - Mínima 20º
Céu nublado

Segunda
Máxima 30º - Mínima 18º
Períodos nublados

Terça
Máxima 28º - Mínima 16º
Céu limpo